sex and the city 2 - coisas de rapariga (e de namorado paciente)





passou-me pela cabeça convidar as minhas colegas (do mestrado) com quem me dou melhor, e que me são mais próximas, para ir ver o sexo e a cidade 2 ... coisa de raparigas e assim... mas não me apetece realmente.
apesar de ser (ou poder ser altamente fútil) tem uma certa importância, afinal marcou gerações , arregala os olhos (no que respeita à moda, que nos toca a todas, vá lá), proporciona boa «girls talk» e só faria sentido ver com as minhas duas amigas (ou, pelo menos, só com elas quereria ver).




entretanto o p ofereceu-se por ir comigo e é boa companhia. diz mal de tudo . para ele todas as roupas são feias e a carrie é uma chata (e confesso que tem alguma razão, mas que sabe bem sabe).

oh, i miss my girlfriends!



(vão ver as duas juntas por mim!)

Para manter um plantel de classe, se o Tacuara se puser na alheta

x

"People here have got used to eating Nutella, and maybe every now and then they have to eat shit" – Antonio Cassano responds to being booed by Sampdoria's fans.


Daqui
x

Para manter um plantel de classe, se o Coentrão se puser na alheta

x

But the winner is Villarreal full-back Joan Capdevila. The week after it looked suspiciously like Sergio Busquet's second yellow card was instead given to Villarreal's Joseba Llorente, Llorente was again booked. Chuckling, Capdevila asked Clos Gómez if the card was for Busquets. The ref took offence and showed Capdevila a card, to which he replied: "Is that one for Busquets as well?" The punchline was red.

Daqui
x

parabéns, joão!




hoje vi um homem, num descapotável branco, com o vento a pentear-lhe o cabelo e a ondular o pelo do cão, que ia no banco de trás

... e oh que imagem! era um plano perfeito para um filme de sábado à tarde.



and it's a nervous tic motion of the head to the left| it's a nervous tic motion of the head to the left|
exorcise your cells till you're bereft



por onde começar, quando há milhares de coisas para fazer? quando se deseja que algumas acabem, que outras comecem?
quando sabemos que há tempo para tudo, se nos organizarmos, e, por alguma razão, nos sentamos a sonhar à espera do sol de primavera que tarda em chegar...


agir


- acabar com as execuções sumárias em territórios ocupados-


video


siamo a firenze


i move so slow, a steady crushing hand|holy shit there's a company in my back






oh,girls,they wanna have fu-un,oh,girls,just wanna have fun....





i smashed a kamera|i wanna know why





all dolled-up in straps, all colored in|now, love, where have you been?
(fotografias de p)




2009/2010

x


O oposto da doença.
x

bloodbuzz ohio - o primeiro clip


The National - "Bloodbuzz Ohio" (official video) from The National on Vimeo.



i still owe money to the money to the money i owe|i never thought about love|when i thought about home


3 dias em paris



nunca tinha ido a paris e quando era mais nova confesso que não tinha uma curiosidade por aí além. comecei a ter mais curiosade, mais interesse, mais vontade à medida que os anos foram passando e especialmente quando ouvia o p falar dos sítios, dos passeios, do ambiente de paris que descobriu quando lá esteve da última vez.

este fim-se-semana, algo motivados pelo concerto dos pavement, com os national a fazerem a primeira parte, lá fomos. foi maravilhoso! a luz da cidade, é, de facto diferente de tudo o que já vi... andamos quilómetros pelas ruas pequeninas de paris e foi tão bom.




o concerto foi inesquecível. os national melhores do que nunca e os pavement, que me foram dados a conhecer pelo p, surpreenderam-me e conquistaram-me mais do que imaginava.

fui pensando, na coincidência que foi termo-nos conhecido no concerto dos national há quase dois anos e estar ali naquele momento. se nas constatações de todos os dias, me vou apercebendo do quanto mudámos, o quanto crescemos e o que construímos juntos, naquele momento, olhava para nós e conseguia ver-nos como se tivéssemos dezasseis anos: o entusiasmo por estarmos ali, os saltos, os pulos, as canções que iam saindo pelas nossas bocas, a mão apertada como se o mundo fosse acabar ali, os olhares trocados como fossem os primeiros... foi inesquecível. percebi que essa parte de nós vai sempre ser assim e mais uma vez perguntei-me a quem agradecer por tanta sintonia e felicidade...



go ahead go ahead|throw your arms in the air tonight



honey i'm a prize and you're a catch|and we're a perfect match



a mudança

o adeus aos 30 m2


obrigada israel mena e lola


-antes-



sim,o quarto era... isto.processo 1:





a sala: processo 2





-depois-













-uff-